445 Views |  Like

Viva Las Vegas!

Vegas é uma exaltação ao excesso, a diversão. É quase difícil de definir de tão extravagante. Apelidada carinhosamente de “cidade do pecado” e “Disneylândia dos adultos” – pois é um verdadeiro convite ao prazer -, oferece uma infinidade de atrações, além de mostrar em mega dimensão, uma releitura arquitetônica de quase todo o mundo. E isto, acreditem, foi criado e construído no meio do deserto, o que confere um clima quente e árido durante o dia e bem frio à noite.

Localizada no Estado de Nevada, onde os “jogos de azar” foram liberados nos anos 30, Las Vegas nasceu praticamente na Fremont Street – hoje, lado antigo da cidade, onde também nasceram os primeiros cassinos, mola propulsora da região.

Nos anos 80, empresários dispostos a investir neste mercado fizeram surgir, numa trajetória arrojada, a Strip – trecho de mais ou menos 6 km da Avenida Las Vegas Boulevard, onde tudo acontece. O termo “convencional” não existe lá.

Luxuosos hotéis-cassinos de arquitetura temática, em que mesmo não hospedado é possível circular livremente, jogar, usufruir de seus bares, baladas, restaurantes e lojas de grifes, sem o menor problema, estão ao largo desta avenida.

“Visitar” Paris, Veneza e NY é algo que se consegue fazer em pouco tempo. Isto porque hotéis como o Paris Las Vegas, com seu poderoso “Arco do Triunfo” e sua decoração parisiense, nos remete ao clima da Cidade-Luz. A majestosa “Torre Eiffel” é um dos destaques da Avenida. No 11º andar fica seu restaurante, que serve deliciosos pratos franceses.

O “The Venetian” tem réplicas do Campanário, da Praça de São Marcos, da Ponte Rialto e, incrivelmente, do Canal Grande de Veneza, onde gôndolas, pilotadas por belos condutores vestido a caráter, fazem a “travessia” com turistas que são premiados com românticas canções italianas por eles interpretadas. O céu (artificial) deste cenário é outro espetáculo, pois muda de tempos em tempos de dia ensolarado para noite enluarada.

Pertinho de lá está o New York-New York. Aliás, a Estátua da Liberdade reina gloriosa no pedaço.

No Hotel Bellagio, onde foi filmado “Onze Homens e um Segredo”, que teve ninguém mais e ninguém menos que George Clooney e Brad Pitt como protagonistas, além de sua estrutura com quase toda a decoração inspirada na Itália, possui um lago onde as águas da fonte luminosa dançam, literalmente, conforme a musica, oferecendo um emocionante e inesquecível show.

Ao chegar no Caesars Palace, um mapa do hotel é entregue ao hóspede. Colunas, pisos de mármore e granito, generosos lustres – aliados a toques futuristas da decoração – criam ambientes de efeito, glamorosos, vibrantes, exóticos e marcantes. Seu teatro, o Colosseum, oferece aos visitantes produções de tirar o fôlego por conta dos efeitos especiais de cada apresentação de seus astros e estrelas de renome internacional. Fazem parte das atrações que lá se apresentam: Rod Stewart, Celine Dion e Elton John – que tive a oportunidade de ver com seu magnífico show “The Million Dollar Piano”.

Nos demais hotéis, musicais, óperas, mágicos – como David Cooperfield, presença constante -, fazem de Vegas um verdadeiro investimento na diversão. Haja vista a invasão de turistas que se movimentam pela cidade.