550 Views |  Like

Los Angeles – Califórnia

Sempre digo que viajar, seja para onde for, tem efeito transformador. Além de relaxar e renovar as energias, sempre trago na bagagem transformação, cultura e muita história para contar.

Desta vez escolhi como destino Los Angeles, Las Vegas e, para terminar meu roteiro, NY, é claro.

Amei Los Angeles! Glamorosa e cheia de recursos – em todos os sentidos. Fundada por espanhóis em 1781, passou a pertencer ao México em 1821 e, no final da guerra mexicano-americana foi adquirida pelos Estados Unidos como parte do Tratado de Guadalupe Hidalgo.

Hoje, rica e poderosa, é a segunda cidade dos EEUU e a principal do Estado da Califórnia. Suas vastíssimas avenidas nos permitem conhecer bairros onde teatros, museus, galerias de arte e restaurantes famosos convivem com inúmeros parques naturais.

Em um de seus distritos, Beverly Hills (Westside – que ainda reúne: Century City, Westwood, Brent Wood e Bel Air) ficam as casas de abastados, mansões das celebridades do cinema e da música, cujos projetos não dão para ser descritos, só vendo para acreditar e as mais famosas ruas do mundo. Na Rodeo Drive, por exemplo, considerada uma das mais badaladas e luxuosas da cidade estão marcas como Dior, Prada, Chanel, Domenico Vacca, Fendi… Foi aí que Júlia Roberts filmou “Uma Linda Mulher” (o hotel é o Beverly Wilshire). Alguns estúdios cinematográficos ocupam quarteirões. Agendando com antecedência dá para conhecer seu interior.

O Shopping Grove, vale a pena ser visitado pela arquitetura, beleza e grandiosidade do ambiente. Aliás, a arquitetura de Los Angeles vai de ousada, como os projeto do Walt Disney Concert Hall e o TBWA – Chiat Day (em forma de binóculo), ambos do famoso arquiteto Frank Gehry, enormes arranha-céus a casas de estilo vitoriano.

Outro distrito é Hollywood. Iindiscutivelmente a Capital do Cinema é super-agitada, cheia de teatros, museus e lojas, onde diversão é a palavra de ordem. No Hollywood Boulevard, onde está a calçada da fama, criada em 1958, encontram-se nomes como Charles Chaplin, Johnny Depp, Nicolas Cage. Atravessando esta rua, está o Teatro Chinês com sua (também famosa) calçada de cimento – criada nos anos 20. Lá estão registradas marcas de mãos e de pés, assinaturas e mensagens de celebridades. É emocionante ver o registro de nossos ídolos! Ao lado encontra-se o Teatro Kodak, palco das entregas anuais dos “Oscars”, atualmente apresentando o imperdível espetáculo IRIS do Cirque de Soleil e, alguns passos a frente, o museu de cera – outro divertido espaço que não dá para deixar de visitar.

O letreiro de Hollywood, símbolo do cinema americano, tem mais de 15m de altura. Foi instalado no topo do Monte Lee, em 1923.

Quanto às praias, Malibu, Long Beach e Santa Monica – queridinhas dos astros e estrelas -, são realmente belas, com grandes trechos que se alternam entre rochas e areia fina e branca, repletas de palmeiras. Os restaurantes são modernos e sofisticados. Não é difícil encontrar personalidades fazendo refeições por lá.

Enfim, com fama de ser encantadora e cheia de atrações, Los Angeles não desaponta de forma alguma seus visitantes.